unusual-Portugal-QR-AR



Realidade Aumentada em Produtos Filatélicos

 

2012 é o ano da adopção da realidade aumentada em  vários produtos filatélicos e editoriais. Seja através de um código QR,  pelo reconhecimento de imagens, passando pelo tão conhecido flipbook, este é o ano dedicado à entrada da Filatelia Portuguesa na "fileira digital".

 

Começaremos pelo mais simples... o símbolo «QR» impresso nalgumas das nossas Pagelas, o qual permitirá, através de uma leitura por câmara web ou câmara de telemóvel, levar o jovem (ou quem quer que seja que faça a «scannerização» do código) para um site Internet com material adequado à emissão de selos ou à temática desenvolvida no artigo da revista em causa. Por exemplo, na emissão de selos sobre os navios Sagres e Creoula, um código «QR» foi já impresso naquela pagela, dando acesso a um site da Marinha Portuguesa onde reside informação adicional sobre aqueles dois navios.

 

Evoluindo na capacidade de interação, o passo seguinte vai consistir em criarmos valor acrescentado para os nossos clientes em alguns livros que fazemos. Começamos pelo Meu Álbum de Selos que em 2012 passará a ser apresentado juntamente com um DVD onde o mesmo livro está em formato digital flipbook, permitindo não só a leitura e desfolhar de páginas através de um PC, como também acesso, pelo clicar do rato em links incluídos em algumas das páginas, a sites internet relacionados com os textos e as imagens. Esta tecnologia dará ainda aos mais novos acesso a uma versão do livro Meu Álbum de Selos sem cor nas ilustrações, permitindo-lhes utilizar uma ferramenta do tipo Paint para colorirem no computador (ou à mão, imprimindo as folhas) o livro como quisessem.

 

Finalmente, o último passo que consistirá no reconhecimento de qualquer imagem bidimensional, devidamente enquadrada, através do desenvolvimento de um programa de computador que permitirá — por download prévio de uma aplicação ou de acesso on-line — a qualquer webcam ou câmara de telemóvel com essas possibilidades, «reconhecer» a imagem e de imediato desencadear a reprodução de um conteúdo especialmente criado para essa imagem e ocasião. Por exemplo, na emissão Fado, o reconhecimento da imagem do selo de €1,00 pode despoletar num ecrã de computador ou num smartphone um pequeno filme.

 

Raul Moreira

Diretor de Filatelia

Caraterísticas

Missões Católicas em África

Realidade Aumentada

Para aceder aos conteúdos multimédia associados a este selo utilize um smartphone ou tablet (Apple ou Blackberry).

Instale a aplicação CTT filatelia de acordo com o seu equipamento móvel, no seguinte endereço: http://cttfilatelia.nextreality.com.

Depois de instalar CTT filatelia, entre na aplicação e selecione o botão Play para ativar a câmara. Aproxime o seu dispositivo móvel apontando a câmara para o selo e inicie a sua experiência de Realidade Aumentada.

 

Emissão Fado

No ano em que celebramos a consagração do Fado como Património Cultural Imaterial da Humanidade, a presente emissão filatélica presta homenagem a esta tradição viva que partilhámos com o mundo através da arte de diferentes gerações de criadores. Herdeiro de uma dimensão temporal aproximada de duzentos anos, o Fado continua hoje a construir-se e a recriar-se, em pleno século XXI.

 

Realidade Aumentada


Para aceder ao conteúdo multimédia associado a este selo utilize um Smartphone ou Tablet. Instale a aplicação CTT filatelia de acordo com o seu equipamento móvel, nos endereços que seguem:
iPhone e iPad: http://app.nextreality.pt/ctt/Apple
Smartphone e Tablet com sistema Android http://app.nextreality.pt/ctt/Android
Blackberry http://app.nextreality.pt/ctt/Blackberry

Depois de instalar CTT filatelia, entre na aplicação e selecione o botão Play para ativar a câmara.


Aproxime o seu dispositivo móvel apontando a câmara para o selo e inicie a sua experiência de Realidade Aumentada.

Emissão Conjunta Portugal Brasil

 

O «Ano de Portugal no Brasil e do Brasil em Portugal» decorrerá entre o dia 7 de setembro de 2012 – Dia da Independência do Brasil – e o dia 10 de Junho de «2013 – Dia de Portugal, de Camões e das Comunidades Portuguesas. Trata-se de uma iniciativa com caráter oficial, criada para transmitir a ambos os povos a verdadeira imagem dos dois países, promovendo a cultura, fomentando laços comerciais e estreitando os vínculos entre as sociedades civis. No ano de 2012 também se realiza – em São Paulo – a XXI Lubrapex, a mais antiga exposição filatélica bilateral do mundo. Desta forma, os Operadores Postais designados de Portugal (CTT) e do Brasil (ECT) aproveitaram esta ocasião para desenvolver uma emissão filatélica conjunta, tendo por base a língua portuguesa, celebrando a propósito dois gigantes das respetivas literaturas – os poetas Fernando Pessoa e Cruz e Sousa.

 

Realidade Aumentada

 

Para ver os conteúdos que complementam o Selo, em Realidade Aumentada, no seu computador deverá:


- Ter uma ligação à internet e aceder a http://www.cttfilatelia.com/anoportugalbrasil
- Aceitar o pedido de ligação da câmara do seu computador
- Aproximar a imagem do Selo ou o próprio Selo a esta câmara por forma a ser reconhecido o conteúdo.

 

Código QR

 

http://www.cttfilatelia.com/anoportugalbrasil/qr.html


Para ver os conteúdos que complementam o Selo, através de dispositivos móveis com câmara deverá:


- Ter uma ligação à internet e uma aplicação de leitura do Código QR.
- Ligar a aplicação de leitura do Código QR.
- Aproximar a sua câmara ao Código QR, por forma a que a leitura faça iniciar o navegador de internet do seu dispositivo.

Emissão Navios Sagres e Creoula

 

O Navio da República Portuguesa (NRP) Sagres

 

Construído nos estaleiros da Blohm & Voss, em Hamburgo, para a Marinha Alemã, o atual navio escola Sagres foi lançado à água a 30 de outubro de 1937 com o nome Albert Leo Schlageter. Em 1945, depois de ter sido danificado durante a guerra, foi capturado em Bremerhaven pelas forças norteamericanas e posteriormente vendido, por um preço simbólico, ao Brasil, recebendo o nome Guanabara em 1948. Na sequência da decisão de pôr fim aos navios de vela na Marinha do Brasil, o Guanabara foi adquirido pela Marinha Portuguesa em 1961, numa altura em que esta procurava um veleiro que substituisse o antigo Sagres, em fase final da sua vida útil. Incorporado a 8 de fevereiro de 1962 com o nome Sagres, há 50 anos que faz viagens de instrução com os cadetes da Escola Naval e representa Portugal e a Marinha Portuguesa.

 

 Código QR

 

 

http://sagres.marinha.pt

 

O Navio de Treino de Mar (NTM) Creoula

A construção do lugre Creoula teve início em 1937, inserida no plano de renovação da frota dos bacalhoeiros da Parceria Geral de Pescarias. As inovações introduzidas permitiam que os novos navios pudessem pescar maiores quantidades de bacalhau nos mares gelados da Terra Nova e da Gronelândia. Construído num tempo recorde de 62 dias de trabalho, o Creoula foi lançado à água a 10 de maio de 1937. Após 37 campanhas de pesca e tendo navegado mais 300 000 milhas até 1973, o navio foi encostado com vista a uma posterior venda ou desmantelamento. Apesar do interesse na sua aquisição por parte de empresas estrangeiras, generalizou-se uma vontade de manter o Creoula em Portugal e este foi vendido ao Estado Português em 1979, por um preço simbólico. Verificado o bom estado do casco, foi abandonada a ideia inicial de convertê-lo em Museu da Pesca, optando-se em 1981 por o transformar em navio de treino de mar para jovens. Adaptado tendo em vista a sua nova missão, o NTM Creoula foi entregue à Marinha Portuguesa em 1987 e desde então tem efetuado inúmeras viagens de treino de mar, com jovens oriundos das mais variadas instituições. O Capitão-de-fragata Nuno Cornélio da Silva é desde 2010 o Comandante do NTM Creoula.

 

Código QR

 

http://www.marinha.pt/PT/extra/creoula/Pages/Creoula.aspx

 
Para ver os conteúdos que complementam o Selo, através de dispositivos móveis com câmara deverá:


- Ter uma ligação à internet e uma aplicação de leitura do Código QR.
- Ligar a aplicação de leitura do Código QR.
- Aproximar a sua câmara ao Código QR, por forma a que a leitura faça iniciar o navegador de internet do seu dispositivo.



Source:  https://www.ctt.pt/fectt/wcmservlet/ctt/particulares/coleccionismo/filatelia/Realidade_Aumentada.html

Comments