Understanding Joint Issues


Emissões conjuntas não são exatamente novidades na filatelia. As primeiras emissões verdadeiramente conjuntas ocorreram na década de 1930. Este tipo de emissão tem atraído ultimamente muitos colecionadores fascinados pelos desafios deste tipo de coleção. As administrações postais percebendo este interesse tem emitido selos deste tipo com uma frequencia cada vez maior. É raro passar um ano em que o Brasil, por exemplo, não emita pelo menos um selo em conjunto com outro país.

Uma definição e uma classificação mais precisa foi proposta pela JSIS - Joint Stamps Issue Society e é amplamete aceita atualmente. Um catálogo especifico de emissões conjuntas foi editado pelo em 1997 e atualizado em 2006. O Editor do catálogo é Richard Zimmermann , atual presidente da JSIS. Anualmente é impresso um encarte com as atualizações de cada ano. A JSIS mantém uma web page com as ilustrações e dados de todas as emissões emitidas.
Recomendo acessar e verificar o trabalho fantástico desta associação. O link da internet é: http://www.jointstampissues.net

Definição:
Uma emissão conjunta são selos emitidos por duas administrações postais, para comemorar um evento ou data, e que são caracterizados por terem um desenho comum, ou uma data de emissão única ou ambos. É mandatório que as administrações postais tenham decidido em comum pelo motivo e data do selo.

Classificação:
A Classificação completa tem uma certa complexidade em função das variáveis de desenhos, países participantes, datas de emissão e outros fatores.
De um maneira simplificada temos abaixo a classificação para as emissões conjuntas. Existem emissões que não são puramente conjuntas quando se considera a definição de uma forma precisa.


Twin Issue:
Selos com o mesmo desenho e emitidos na mesma data.

Exemplo: selos emitidos em 04-Março-1994 por Brasil, Portugal, Macau e Cabo Verde em homenagem ao quarto centenário de nascimento do infante D. Henrique.



Concerted Issue:
Selos com mesmo desenho mas emitidos em datas diferentes.
Exemplo: Selos de 2001 da Conferência Mundial contra o racismo. Emitido pela Africa do Sul em 07-Agosto-2001 e pelo Brasil em 31-Agosto-2001.

BrazilSouth Africa


Parallel Issue:
Selos com desenhos diferentes mas emitidos na mesma data (comemoram o mesmo evento e foram emitidos por uma decisão conjunta das administrações postais).

Exemplo: Selos em comemoração aos 150 anos da Constituição dos Estados Unidos. Emitidos em 17-Setembro-1937 pelos Estado Unidos - França e Nicarágua. O Brasil emitiu com atraso em 02-Dezembro-1937.

Brasil

US


Unique issue:
Selos emitidos que circulam em qualquer dos países participantes. Tem duas variações principais:
U1 - Os selos contem os nomes de todos os países participante (normalmente dois ou três países)
U2 - Os selos não tem nomes dos países mas circulam em todos eles sem restrições

Exemplo: Bilhete postal emitido pela Argentina em 1900. Tem um selo do Brasil impresso no verso. Não há evidências contudo que este bilhete postal tenha circulado no Brasil e não existe uma outra emissão deste tipo em que o Brasil tenha participado.




Siamese Issue:
Selos de países diferentes mas emitidos como parte de uma mesmo bloco (souvenir sheet) ou se-tenant. O Brasil não participou (até hoje) de uma emissão como esta.

Exemplo: Bloco emitido em conjunto pelas administrações postais da China, Macao e Hong Kong. O mesmo bloco tem selos dos três países. Os blocos foram vendidos pelas três administrações postais mas cada selo somente podia ser usado em seu país.



Referências: